Japoneses marcam presença no espaço como 5º país a pousar na Lua 13

Japoneses marcam presença no espaço como 5º país a pousar na Lua

No dia 19 de janeiro, última sexta-feira, o Japão fez história ao se tornar o quinto país de todo o planeta a pousar com sucesso na Terra. Lua.

O feito foi transmitido ao vivo pelos canais digitais da Agência Japonesa de Exploração Aeroespacial (JAXA).

A missão foi batizada de SLIM, sigla em inglês, cuja abreviatura significa ‘Nave Inteligente para Investigar a Lua’.

O veículo chegou ao solo lunar às 12h20 (horário de Brasília). No entanto, a confirmação do sucedido só foi feita através de conferência de imprensa, cerca de duas horas depois.

A transmissão terminou às 12h30, com a alegação de que os cientistas aguardavam uma conexão com o módulo.

Segundo Hitoshi Kuninaka, funcionário da JAXA, a espaçonave pousou no satélite natural da Terra sem muitos problemas. No entanto, suas células solares não foram capazes de gerar energia.

“Acreditamos que o pouso suave foi bem-sucedido porque os dados estão sendo enviados da espaçonave, os robôs menores ejetados da espaçonave, LEV-1 e LEV-2, também funcionaram conforme planejado”, disse o Dr.

A partir de agora, a prioridade é verificar se os sistemas de navegação e posicionamento funcionaram como deveriam no pouso. Mas, infelizmente, essas informações podem demorar um pouco para chegar.

Como a espaçonave pousou na Lua?

Japoneses marcam presença no espaço como 5º país a pousar na Lua 16

Tela de transmissão da JAXA, momentos antes do pouso lunar – Imagem: JAXA/Reprodução

O módulo SLIM pretendia demonstrar uma aterragem de menor precisão a 10 metros do seu alvo original. Portanto, o veículo começou sua descida à superfície lunar ao meio-dia.

Esse feito só foi possível graças a uma tecnologia de visão, chamada pela JAXA de “olhos inteligentes”.

Assim, à medida que a sonda se aproximava do satélite natural da Terra, ela fazia capturas de imagens e as comparava com mapas já conhecidos, previamente fornecidos pelos satélites. Isso permitiu que o equipamento se localizasse melhor e ajustasse sua trajetória.

Por fim, o SLIM deixou a Terra no dia 22 de setembro, juntamente com o satélite XRISM, numa parceria entre a NASA e a JAXA, atingindo a órbita terrestre. Lua no Natal.

O pouso ocorreu dentro de uma cratera de impacto chamada pelos pesquisadores de Shioli, na planície conhecida como Mar do Néctar.

Relacionado :  Como impedir que o Chrome drene a bateria no iPhone e iPad