Jovem cria IA que traduz linguagem de sinais em tempo real 13

Jovem cria IA que traduz linguagem de sinais em tempo real

Nenhum tema é mais falado hoje no universo tecnológico do que o inteligência artificial (I A). É o que tem ditado o debate e, mais do que isso, acirrado a concorrência entre as grandes empresas do setor.

Nesse cenário, muitas descobertas já começaram a surgir, vindas dos mais variados locais possíveis. Um deles, que promete revolucionar a comunicação, saiu do Brasil.

Mais especificamente de um estudante de Estatística da Universidade Federal Fluminense (UFF), no Rio de Janeiro.

Gabriel Sales lidera um projeto de IA capaz de traduzir linguagem de sinais (Libras). O projeto visa superar qualquer barreira de comunicação entre pessoas surdas e ouvintes. Através dele é possível transcrever os sinais para o português em tempo real.

Progresso do projeto

Jovem cria IA que traduz linguagem de sinais em tempo real 16

Aluno da UFF promete revolucionar a compreensão da língua Libras – Foto: Internet/ Reprodução

O projeto ainda está em fase de desenvolvimento, mas já apresenta bons resultados. Ele consegue interpretar os sinais dos surdos em vídeos e simultaneamente traduzi-los para o português.

O sistema executa três modelos diferentes de inteligência artificial para atingir esse objetivo. A primeira IA é responsável por capturar os pontos-chave do corpo e mapeá-los nos quadros do vídeo.

O segundo é uma espécie de classificador que identifica o sinal emitido, enquanto o terceiro contextualiza esse sinal e o transforma em uma mensagem legível e compreensível em português.

Veja o exemplo:

Alto potencial

A ideia de Gabriel é considerada de extrema importância, pelo alto potencial que carrega. Em geral, a comunicação entre pessoas surdas e não surdas seria muito facilitada.

A dificuldade de compreensão é uma realidade neste caso, mas seria completamente resolvida com tal IA. Hoje, no brasilexistem cerca de 10 milhões de surdos, o que corresponde a cerca de 5% da população do país.

Para que a ideia funcione, porém, é preciso investimento. O aluno enfrenta atualmente algumas dificuldades para avançar com o projeto. Envolvem limitações de hardware e recursos para a coleta de dados essenciais.

Gabriel então criou um gatinho on-line para arrecadar dinheiro. O objetivo é adquirir um computador mais potente e câmeras de alta qualidade para dar continuidade ao desenvolvimento da IA.

Se quiser acompanhar as novidades do projeto do Gabriel é só seguir o perfil dele @projeto_ia_libras No instagram. A estudante posta tudo nas redes sociais e já conquistou mais de 86,3 mil seguidores.

Relacionado :  Como usar a polícia de extensão para examinar suas extensões do Chrome