Vazamento expõe 26 bilhões de dados na internet 13

Vazamento expõe 26 bilhões de dados na internet

A comunidade digital foi abalada por uma revelação sem precedentes quando uma colossal fuga de informação foi desmascarada, comprometendo dados numa escala nunca antes vista.

Especialistas em cíber segurança ‘tropeçou’ num armazém de dados aberto contendo cerca de 26 mil milhões de entradas de informações pessoais.

Este ficheiro gigantesco, ocupando doze terabytes, foi apelidado de “a mãe de todas as fugas”, simbolizando a sua magnitude e impacto potencial.

Vazamento expõe 26 bilhões de dados na internet 16

Dados confidenciais vazados podem comprometer muitas pessoas e instituições – Imagem: Panda Security/Reprodução

Impacto global e nacional

Este vazamento monumental reúne informações de plataformas e serviços amplamente utilizados como LinkedIn, Canva, X (antigo Twitter), Telegram, Dropbox e Adobe.

Além disso, registros de organizações governamentais nos Estados Unidos e em outras nações, incluindo o Brasil, onde quase 350 milhões de contas foram expostas, destacam a extensão deste incidente.

Entre as entidades nacionais afetadas estão nomes como PetrobrásSPTrans e USP, além de empresas como CCA, Descomplica e Vakinha, esta última já sofreu vazamentos entre 2021 e 2020.

Diretrizes de segurança

Embora a descoberta possa parecer alarmante, os especialistas aconselham calma e uma postura proativa em relação à segurança digital.

Recomenda-se a adoção de senhas fortes e únicas, bem como a implementação de autenticação de dois fatores, a fim de mitigar o risco de ataques cibernéticos como roubo de identidade e phishing.

Jake Moore, um renomado consultor de segurança cibernética da ESET, enfatizou a importância de não subestimar o potencial desta informação ser explorada por criminosos online.

Ele sugere alterar as senhas e permanecer vigilante contra tentativas de phishing, além de reiterar a importância da autenticação de dois fatores.

Verificação e prevenção

Para os indivíduos preocupados com a possibilidade de os seus dados terem sido comprometidos, estão disponíveis ferramentas que lhes permitem verificar se as suas informações foram expostas em situações anteriores.

Serviços como o verificador de vazamentos Notícias cibernéticas e a Fui sacaneado oferecem maneiras gratuitas para os usuários inserirem seu endereço de e-mail ou número de telefone e verificarem o segurança de suas informações.

Relacionado :  Nove maneiras principais de corrigir o erro ‘Spotify não consegue reproduzir isso agora’